Quarta-feira, 3 de Junho de 2009

atenção às bolhas

 

Uma forma de medir o pulso à economia é estar atento às bolsas de valores. O comportamento dos mercados financeiros é um indicador utilizado pelos analistas para tentar antecipar a retoma económica. Mas não é o único e está, aliás, muito longe de ser o mais importante. A velha máxima de que as bolsas antecipam o que se vai passar na economia real é, nos dias que correm, apenas o ruído de muitas pessoas a falar ao mesmo tempo. É verdade que os índices das principais bolsas do mundo têm registado valorizações significativas e que, desde o início do ano, o saldo é até muito positivo. Isso, nas principais praças financeiras do mundo, como Londres ou Nova Iorque, mas, sobretudo, nas dos mercados emergentes.
Desde Outubro de 2008, momento em que a actual crise se agudizou, até Maio, o índice Bovespa da Bolsa de São Paulo já acumula ganhos de 70%. E este é só um exemplo. Mas e trata-se de um green shoot (uma das expressões mais ouvidas nos últimos meses e que está associada originalmente ao nascer das plantas)? Infelizmente, não. As acções valorizam-se porque já perderam muito, as cotações sobem porque se começa a ver a luz ao fundo do túnel. Não são as boas notícias que fazem subir as bolsas, é a inexistência de notícias piores. Não é pela história nova e palpitante, é antes pela sua ausência.
E é por isso que outra das máximas dos mercados financeiros, a de que é na baixa que se fazem os bons negócios, é hoje um simples sussurro. Alguns poderão conseguir fazer a compra da sua vida, mas não é por isso que todos devem regressar aos investimentos na bolsa. Tão simplesmente porque não existe uma razão fundamentada para tal acontecer. E se se ignorar esta evidência, dando ouvidos aos arautos da retoma, o risco é o de criar uma nova bolha especulativa. A vida das bolsas é feita de ciclos e as bolhas também fazem parte da vida, outra há-de vir, mas a última ainda foi há muito pouco tempo…
publicado por Sílvia de Oliveira às 16:22
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim

pesquisar

Julho 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

posts recentes

Por aqui, engordam-se por...

Não temos de que nos quei...

O Presidente não tem espí...

D. João II podia ajudar

Tudo tem um preço, até a ...

Guerra entre filhos e pai...

Não há melhores mãos que ...

Explicações em Nova Iorqu...

Se o i fosse um país...

Este sangue não é lá gran...

arquivos

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

subscrever feeds